Refluxo: Mitos e Fatos

A Doença do Refluxo Gastroesofágico (DRGE), cujo sintoma mais comum é a azia, caracteriza-se pelo retorno do suco gástrico ácido do estômago para o esôfago. Aquela dor ou aquela sensação chata que sentimos ocorre porque o interior do estômago é revestido por uma camada que protege o órgão e evita esse mal-estar, porém, as paredes internas do esôfago não possuem essa proteção. Esse retorno só irá ocorrer se o estômago estiver muito cheio ou se o anel muscular que separa o estômago do esôfago (esfíncter), não estiver cumprindo sua função. Veja alguns mitos e fatos sobre a DRGE, popular Azia:


Evitar alimentos gordurosos e picantes, além de bebidas alcoólicas e gasosas, pode auxiliar no combate ao refluxo?

Verdade. Todos esses itens, além do café, podem contribuir para o retorno do conteúdo gástrico e potencializar os sintomas da doença. Mas o ponto chave é a quantidade de alimentos ingeridos. Você pode tomar um cafezinho pela manhã normalmente, o que não pode é encher o estômago de café ou de água. Esses alimentos, com a devida moderação, podem ser ingeridos, mas quando possível devem ser evitados.


O único sintoma do refluxo é a azia?

Mito. Existem outros sintomas além da azia: regurgitação, tosse seca, rouquidão, pigarro, possibilidade de doenças pulmonares de repetição (pneumonias, bronquites e asma) e dor torácica intensa, que pode ser confundida com a dor da angina e do infarto do miocárdio. Por isso é altamente recomendável procurar atendimento médico imediato para o correto diagnóstico.


Deitar logo após as refeições pode ser ruim?

Verdade. Este hábito pode intensificar os sintomas, até por uma questão de gravidade. O mais indicado é esperar um certo período para se deitar após a última refeição.

Chás e receitas caseiras curam o refluxo?

Mito. A ingestão de chás e receitas caseiras não possuem efeito curativo. Trocar bebidas ácidas e gordurosas por alguns chás como camomila ajudam apenas a minimizar os sintomas do refluxo.




11 visualizações

© 2020 by Dias